02/12/2019
Empresário de supermercado que usava laranjas para driblar Fisco é alvo de operação

O proprietário da rede de supermercados Schowambach foi alvo, na manhã desta segunda-feira (2), de uma operação da Receita Estadual deflagrada em três lojas da rede: Campo grande (Cariacica), Maruípe (Vitória) e Centro de Vitória. A operação foi realizada em conjunto com o Ministério Público e a Polícia Militar.

Ao todo, 12 auditores fiscais da Receita Estadual participaram da operação, batizada de blindagem, que serviu para desbaratar o esquema do empresário que se utiliza de laranjas para não devolver o que deve ao Fisco. Os débitos, formados a partir de diversos autos de infração lavrados nos últimos anos pela Receita, chegam a quase R$ 23 milhões.

Na oportunidade, foram apreendidos pelos auditores diversos terminais de POs (máquinas de cartão de débito e crédito), que se encontravam cadastrados em uma série de CNPJs diferentes, e também deferido jucidialmente o sequestro de 15 veículos e 23 imóveis para garantir, ao menos de forma parcial, a reparação dos danos causados ao erário público estadual.

Origem da operação blindagem

Tudo começou quando o Ministério Público foi executar a dívida tributária contraída pelo dono do supermercado Showambach e percebeu que as empresas que supostamente concentravam seu patrimônio eram todas em nome de terceiros: pessoas, boa parte funcionários, sempre em condição incompatível com os negócios – deduzindo-se que não poderiam ser suas reais proprietárias.

Mais informações com o Ministério Público Estadual







Outras Notícias: